Negócios

XP compra participação majoritária na fintech Antecipa, de recebíveis

XP usará fintech para ampliar produtos e presença entre pequenas e médias empresas, e alguns segmentos corporativos

Read in english
  • O que a Antecipa faz é integrar compradores e fornecedores, possibilitando transações de crédito entre empresas sem um banco como intermediário, o que elimina o spread bancário e reduz custos;
  • A empresa determina dinamicamente a taxa de desconto para cada transação, minimizando as ineficiências dos sistemas atuais. A análise de cada transação é feita através de algoritmos próprios.

A XP Inc, controladora da corretora brasileira XP, anunciou a aquisição de uma participação majoritária na plataforma brasileira de recebíveis Antecipa.

De acordo com comunicado à imprensa, para a XP, a aquisição é uma oportunidade de expandir seus produtos e reforçar sua presença entre pequenas e médias empresas e segmentos corporativos no Brasil.

LEIA TAMBÉM: Credit Suisse acerta compra de até 35% do banco digital modalmais

Ainda de acordo com as duas empresas, os fundadores da Antecipa manterão a autonomia da fintech, e usarão a estrutura e a base de clientes da XP “para acelerar o crescimento de toda a plataforma.”

O que a Antecipa faz é integrar compradores e fornecedores, possibilitando transações de crédito entre empresas sem um banco como intermediário, o que elimina o spread bancário e reduz custos.

LEIA TAMBÉM: Valor Capital Group continua investindo em startups brasileiras em meio à pandemia de Covid-19

A empresa determina dinamicamente a taxa de desconto para cada transação, minimizando as ineficiências dos sistemas atuais. A análise de cada transação é feita através de algoritmos próprios.

“O financiamento da cadeia de fornecedores tem sido tradicionalmente oferecido pelos bancos no Brasil, mas geralmente em combinação com outros tipos de financiamento menos atrativos. Nossa decisão de parceria com o XP está alinhada com a nossa abordagem centrada no cliente. A plataforma digital da Antecipa está focada na otimização dos ciclos de caixa nas cadeias de produção. Com o suporte, a estrutura e a credibilidade da XP, acreditamos que podemos maximizar nossas perspectivas de crescimento ”, comentou Camilo Telles, sócio da Antecipa.

A aquisição ainda depende de autorização do Banco Central do Brasil.