Facebook Icon Twitter icon Linkedin icon
Ecommerce

Por que os brasileiros são tão importantes para o turismo de Portugal

Enviar por email para ler depois

Portugal ganhou, pelo segundo ano consecutivo, o prêmio de melhor destino turístico da Europa no World Travel Awards. A Capital, Lisboa, levou na categoria de melhor cidade, ficando na frente de outras famosas como Paris, Londres e Roma. Essas premiações são apenas o reflexo do crescimento do mercado de turismo em Portugal: no ano passado, os serviços de hospedagem registraram 71,3 milhões de turistas no país, correspondendo a 8% de crescimento dessa indústria, segundo o ranking divulgado pela Eurostat. E ainda, de acordo com o Instituto Nacional de Estatística português (INE), o valor arrecadado pelo mercado de turismo do país teve um crescimento de 16,6%, chegando a aproximadamente 3.4 milhões de euros.

Esse cenário do turismo de Portugal se deve, em boa parte, aos mais de 869 mil turistas brasileiros que visitaram o país em 2017, um número 39% maior que no ano anterior, também segundo o INE, ficando a frente de outras potências mundiais como os Estados Unidos que enviou aproximadamente 685 mil turistas para as terras portuguesas na mesma época.

turismo_portugal_brasil_labs

Sem dúvida, um dos destinos favoritos dos brasileiros na Europa.

Os dados do turismo online também comprovam essa preferência: Portugal está entre os destinos mais buscados pelos viajantes brasileiros nos sites de hotelaria e turismo e também nos de compras de passagem. Em julho, Lisboa ficou entre as 4 cidades mais buscadas para viagens internacionais pelos brasileiros no Kayak. Já na plataforma de comparação de preços Voopter, a capital portuguesa foi o destino mais procurado no terceiro trimestre de 2017.

Além de serem os turistas mais presentes em Portugal, os brasileiros também estão entre os mais satisfeitos. Uma pesquisa feita pelo instituto GFK a serviço do órgão Oficial de Turismo de Portugal, apontou que a média de tempo de permanência dos brasileiros no país é de 8.8 noites e que isso não se resume aos pólos populares para o turismo internacional como Lisboa e a região do Porto. Bernardo Cardoso, diretor de Turismo de Portugal, afirma que os viajantes vindos do Brasil, percorrem diversas localidades portuguesas incluindo as ilhas e o interior.

Entre as regiões que andam chamando a atenção dos turistas estão Açores, Alentejo e Algarve, com suas paisagens paradisíacas. Porém, outro nicho que também vem crescendo e merece atenção é o turismo religioso. Há uma parte significativa da população brasileira que é bastante devota, podemos notar pela quantidade de religiões diferentes, igrejas, templos e festas de santos como Senhor do Bonfim e as juninas de Santo Antônio e São João. Em Portugal, peregrinações à cidade de Fátima tem sido cada vez mais frequentes e, por isso, podem ser uma boa aposta de expansão para os próximos anos.

O serviço escolhido pelos brasileiros para sua estadia é bastante heterogênea, variando entre as muitas redes de pousada, hostels e hotéis. A quantidade de hóspedes do Airbnb também vem crescendo. A plataforma de hospedagem rendeu, para a cidade de Lisboa, mais de 4 milhões de euros no último ano.

Um mercado com muito potencial.

O investimento na promoção da região do Porto em geral é destinado a mercados mais tradicionais, como Alemanha, França, Espanha, Itália e Inglaterra, que ainda são a maior parte dos visitantes de Portugal. O que é bastante natural, pois na Europa os países são muito próximos e há grande facilidade na compra de passagens de um país europeu ao outro, além das várias opções de locomoção como trens, aviões e até o aluguel de carros, para quem estiver tempo e disposição. Porém, visando expandir a maré de crescimento no mercado de turismo, a Turismo Porto e Norte de Portugal (TPNP) prevê utilizar em 2018, 14 milhões de euros para o orçamento de atividades ligadas a esse setor, considerando reforçar a atenção para outros países, incluindo o Brasil.

As estatísticas referentes aos turistas brasileiros também confirmam o quanto este mercado é importante e estratégico, reforçando a necessidade de estimular cada vez mais o consumidor brasileiro a visitar Portugal Paulo Machado
Diretor do Turismo de Portugal no Brasil

Boa manobra, já que os brasileiros têm investido cada vez mais em viagens. Em dezembro de 2017, os turistas brasileiros desembolsaram 1.624 bilhões de dólares em viagens internacionais. Isso faz com que estejam na 16ª posição do ranking de turistas que mais gastam dinheiro no exterior, feito pela Organização Mundial do Turismo (OMT). Por esses e outros motivos, as empresas de turismo e agências de viagem internacionais devem manter seu olhar atento ao mercado brasileiro.

Turistas de carteirinha.

Como pudemos ver, os brasileiros estão investindo cada vez mais em destinos internacionais e, consequentemente, ficando mais espertos na hora de fazer o planejamento da viagem. Segundo amostra realizada pela Mindminers, empresa especializada em pesquisas de mercado, os brasileiros analisam bastante as opções antes de fazer suas escolhas.

Para a compra de passagens, os comparadores de preços são muito utilizados. Já para as hospedagens, os reviews são fundamentais. Outro dado desta pesquisa que merece destaque é a quantidade de entrevistados que organizam suas viagens através de dispositivos digitais: 77%.

Hábitos de compra singulares, fique de olho.

Para atingir os turistas brasileiros de forma efetiva, é preciso prestar atenção em alguns detalhes e fazer alguns investimentos. Por isso, listamos algumas implementações que devem ser levadas em consideração na hora de vender serviços de turismos para compradores brasileiros. Confira a seguir.

A internet é a sua vitrine.

A forma mais utilizada pelos brasileiros para comprar passagens e fazer reservas de hospedagens são as plataformas online. Diante disso, é muito importante que seu site seja adaptado ao modelo de navegação brasileiro. É interessante também, criar um planejamento de marketing digital com premissas de SEO, Adwords e Social Ads bem estruturados para gerar bastante tráfego à sua página.

Aposte nos criadores de conteúdo.

O Youtuber mais famoso do mundo é o brasileiro Whindersson Nunes. Além dele, existem outros nomes muito fortes como JoutJout e Gabriela Pugliesi. A popularidade dos produtores de conteúdo Web também se estende a outras redes sociais, como o Instagram, por exemplo. Inclusive, existem diversos profissionais que focam seu conteúdo em viagens, seja publicando em blog, vlogs ou perfis no instagram que viram verdadeiros diários de bordo. Alguns desses nomes são: Danielle Noce e Luanda Gazoni, ambas youtubers com canais focados em culinária e que, depois de um tempo, começaram a trabalhar com conteúdos sobre viagem e tornaram o assunto uma editoria fixa de seus vlogs. Outro exemplo de personalidade que publicava conteúdos diversos e criou uma editoria direcionada apenas a vídeos de viagens foi Caio Braz. Além do youtube, o instagram também tem muitos nomes bastante conhecidos como o fotógrafo Raul Aragão (@raul) que se define como um nômade digital e produz fotos espetaculares de suas viagens ao redor do mundo. Por fim, é possível encontrar perfis especializados como a Carol Lisboa (@_carollisboa) ou a Anna Laura (@anna.laura), ambas blogueiras de viagem. Diante esse cenário diversificado e cheio de opções, você pode investir sem medo na publicidade dos influenciadores digitais. Encontre nichos de atuação que se alinhem com sua proposta, crie ações criativas e aumente o alcance da sua marca entre esse público.

Ofereça vários métodos de pagamento.

O parcelamento das compras é um hábito de consumo bastante difundido no Brasil, principalmente quando se trata de compras com valor alto como viagens para outros países. Os cartões de crédito internacionais não possibilitam essa forma de pagamento, portanto é extremamente necessário apresentar mais de uma opção para pagamentos internacionais. A melhor solução é encontrar um parceiro de pagamentos, como o EBANX, para possibilitar que seus clientes parcelem suas compras utilizando um de seus cartões domésticos. Assim, seu público escolhe a forma que preferir para efetivar a compra e, consequentemente, você amplia suas chances de conversão.

Conclusão

O mercado de turismo de Portugal cresce mais a cada ano e, apesar da maioria dos turistas ainda vir de outros países europeus, há um número alto (e que aumenta exponencialmente a cada ano) de viajantes de outros países como Estados Unidos e Brasil, que merecem olhares mais carinhosos. Claro que a língua, as lindas paisagens e a chance de conhecer mais sobre a história e a cultura são fatores que influenciam os brasileiros a escolher viajar para Portugal. Mas a hospitalidade e a qualidade dos serviços da hospedagem lusitana se tornaram bastante populares entre os “irmãos tropicais”. Dessa forma, a oportunidade de lucrar com esse nicho de turistas está cada vez maior.

É importante aproveitar esse momento de crescimento para fazer boas escolhas de investimento e conquistar mercados atrativos, como o Brasil. Para isso, é necessário fazer boas ações de publicidade, estar preparado para receber os compradores brasileiros e atender à seus hábitos de consumo.

Então aproveite a cada vez mais consolidada expansão do mercado de turismo português para aplicar nossas dicas e expandir seus negócios. E para acessar mais dicas sobre como vender para a América Latina, continue conferindo as publicações do nosso blog.

Ebook_turistas_latinos_labs
Baixe o e-book agora!

Como vender online para Turistas em toda a América Latina


 

 

Leave your comment

* *

You might also like